Escolha do tamanho do trailer

Desde que adquiri em janeiro de 2014 o meu primeiro trailer, um Turiscar Brilhante Luxo com 4,80 metros de um eixo, sempre acompanhei no meio caravanista as discussões comparando os trailers pequenos com os grandes e procurei analisar as vantagens e desvantagens de cada um. Percebi que para a discussão ser ainda mais conclusiva deveríamos acrescentar um terceiro grupo que são os trailers médios. E para completar as opções não poderíamos deixar de incluir os Mini Trailers que possuem um forte apelo por conta do seu baixo  custo, sendo muitas vezes construído artesanalmente pelos próprios proprietários.

Embora eu nunca tenha rebocado, nem mesmo acampado com um Mini Trailer, constato que atualmente esta modalidade vem contribuindo intensamente com a retomada do caravanismo brasileiro. Suas principais características são de possuir um teto rebaixado que não permite uma pessoa ficar em pé, mas comporta até um casal mais uma criança deitados confortavelmente; possui uma cozinha externa com cobertura que se forma pela abertura de sua própria tampa; não possui banheiro interno mas pode ser transportado um vaso sanitário químico junto com os apetrechos necessários para montagem de um banheiro externo; é possível ser rebocado até com veículos de baixa potência; e principalmente oferece ao campista o próximo passo na evolução da barraca que é a possibilidade de uma acomodação mais confortável, com colchão, longe do solo e com uma vasta gama de itens de conforto como televisão, ar-condicionado, microondas, entre outros.

Foto do mini trailer com a cozinha aberta e mesa externa montada:

Foto do mini trailer com um casal deitados:

Foto do mini trailer com acampamento montado:

Agora falando nos trailers e sem ter a intensão de criar uma classificação de tamanhos no mercado, mas somente com a intenção de ilustrá-los, divido-os em três grupos: os pequenos com até 3,90 metros de comprimento, os médios que variam de 3,90 a 5,90 metros e os grandes que partem dos 5,90 metros e podem passar dos 13 metros. Para exemplificar apresento abaixo alguns modelos de três fabricantes: Turiscar, Karmanguia e Apolo Trailer.

Pequenos (até 3,90 metros):
  • Turiscar: Jóia (2,70), Caravana (3,30) e Eldorado (3,80);
  • Karmanguia: KC 270, KC 330 e KC 380;
  • Apolo Trailer: Economic (2,40), Toy (2,60), Young (3,60)
Médios (de 3,90 a 5,90 metros):
  • Turiscar: Brilhante Sport (4,40), Brilhante Luxo (4,80) e Rubi (5,80);
  • Karmanguia: KC 450, KC 520 e KC 540;
  • Apolo Trailer: Family (4 a 5 metros)
 Grandes (acima de 5,90 metros):
  • Turiscar: Diamante (6,60), Vila Rica (7,40), Imperial (8,60) e quinta roda (11 metros);
  • Karman Guia: KC 640, KC 770;
  • Apolo Trailer: Continent (6 metros).

Quanto maior for o tamanho do trailer mais recursos serão necessários para utilizá-lo, principalmente a escolha de um veículo de maior potência para tracioná-lo.

Além dos tamanhos, temos outra variável que faz toda diferença no rebocar que é a quantidade de eixos. O atual padrão de mercado possui como principal característica os pequenos com um e os grandes com dois eixos, raramente modelos muito grandes com três eixos.  Os atuais fabricantes vêm mudando este cenário colocando o segundo eixo mesmo em equipamentos menores.

O segundo eixo proporciona uma maior segurança no caso de estouro de algum pneu e principalmente uma melhor estabilidade para o conjunto diminuindo a possibilidade do temido pêndulo. Os pontos negativos nos dois eixos são o consumo de quatro pneus contra apenas dois no caso de um eixo, o pagamento mais caro no pedágio onde os dois eixos correspondem a um veículo inteiro enquanto um eixo paga a metade do valor, e uma terceira desvantagem é a dificuldade para realização de manobras nas rotações de 360 graus com o veículo parado, facilitada com o trailer em movimento. 

Um outro ponto que também merece atenção é quanto a largura, em via de regra, variam de 2 a 2,5 metros, mas estes poucos 0,5 metros proporcionam um ótimo aproveitamento de espaços e um bom ganho de conforto dentro do trailer. Para quem pretende deixa-lo mais parado, utilizando-o como casa de final de semana (roda quadrada), a largura de 2,5 metros é bem mais interessante, agora para quem pretende utiliza-lo mais nas estradas, viajando nos finais de semana, quanto mais estreito melhor, fica mais fácil de rebocá-lo, tanto por conta da visibilidade nos espelhos retrovisores do veículo tracionador quanto por conta da aerodinâmica do conjunto.


Diante deste cenário não existe receita pronta para identificar qual o melhor tamanho. Antes de adquirir, é necessário analisar com muita calma e atenção as suas reais necessidades, qual será o veículo tracionador, onde o trailer ficará guardado, qual o tamanho de sua família e em quais destinos você pretende viajar com o equipamento.

Eu Ronald, já tive a oportunidade de rebocar com uma Toyota Hilux SW4 3.0 a Diesel automática, alguns modelos diferentes de trailer como: Turiscar Caravana, Turiscar Brilhante Luxo, Turiscar Rubi, Turiscar Diamante e Apolo Trailer Young, e pude constatar que o tamanho, largura e quantidade de eixos influenciam significadamente no comportamento do veículo tracionador.

Os trailers pequenos como o Turiscar Caravana (1 eixo) e o Apolo Trailer Young (2 eixos) são extremamente fáceis e leves de conduzir possibilitando serem rebocados por veículos menores e é mais fácil encontrar vagas nos campings. Algumas pessoas reclamam pelo fato de seu banheiro ser conjugado com o chuveiro, não possuindo um box separado para banho, além disso, seu espaço é bastante restrito. É ideal para famílias pequenas, preferencialmente um casal com no máximo duas crianças pequenas.


Apolo Trailer Economic com 2,40 metros (pequeno):

Karmanguia KC270 (pequeno) rebocado por uma Parati:

Apolo Trailer Young 2 eixos (pequeno) com 3,60 metros rebocado por uma Pajero TR4:

Nesta foto percebemos ao lado esquerdo um Turiscar Brilhante Luxo (médio) rebocado por um Hilux SW4, ao centro um Karmanguia KC330 (pequeno) rebocado por uma Pajero Sport Diesel e ao lado direito um Turiscar Caravana 3,30 metros (pequeno) rebocado por uma S10 cabine dupla a Diesel.

Turiscar Caravana 3,30 metros (pequeno) rebocado por uma Ford Ranger cabine simples a Diesel.

Os trailers tidos como médios como o Turiscar Brilhante Sport, Brilhante Luxo (1 eixo), o Apolo Trailer Golg (2 eixos), o Karmanguia KC540, entre outros, já exigem maiores cuidados, já não é qualquer veículo que consegue reboca-los, é necessário uma maior atenção à fixação do engate no veículo e aspectos como torque e potencia do motor já devem ser analisados com mais atenção. Trazem como principais vantagens um maior conforto interno e o box separado para banho dentre algumas outras características típicas dos trailers grandes. É ideal para famílias com até 4 pessoas adultas.

Foto de um Apolo Trailer modelo Gold com 5 x 2,15 metros (médio):

 A esquerda um Turiscar Brilhante Luxo 4,80 (médio) rebocado por uma Hilux SW4 e a direita um Turiscar Diamante 6,60 (grande) rebocado por uma Nissan Frontier.

Nesta foto temos dois trailers Turiscar Brilhante com 4,80 x 2,20 metros (médios)

Karmanguia KC-540 com 5,40 x 2,40 metros (médio) rebocado por um Suzuki Vitara a gasolina:

Foto de um Turiscar Rubi com 5,80 x 2,20 metros (médio) rebocado por uma Hilux SW4 a Diesel:

Já os trailer grandes exigem um veículo com maior potência e um bom torque no motor. Sua principal vantagem é o conforto interno com bastante espaço e acomodação para famílias grandes com seis ou mais pessoas. Sua principal desvantagem é a dificuldade com as manobras e local para instala-lo nos campings.


Abaixo algumas fotos do Turiscar Diamante (Guanaquito) do amigo Dardo, membro do fórum MaCamp. Uma referência pois com seu trailer viaja constantemente para a Patagônia, entre outros destinos.




Foto de um Apolo Trailer Continent com 6 x 2,15 metros e 2 eixos (grande)

Foto de um Motor Trailer, modelo Albatroz com 12,10 x 2,50 metros e 3 eixos (muito grande):

Foto de um Turiscar Quinta Roda com 11 metros:

O trailismo teve início no Brasil na década de 1960, presenciou seu auge na década de 90 e teve seu declínio a partir de 1997 quando o governo brasileiro por um equivoco mudou a legislação de transito impedindo os motoristas habilitados a conduzir veículos de passeio (Categoria B) a rebocar os seus trailers, passando exigir habilitação profissional (Categoria E). Este equivoco foi corrigido somente no ano de 2011 onde o governo voltou atrás e novamente autorizou a Categoria B rebocar trailers, no entanto, neste intervalo paralisou totalmente a pratica do trailismo brasileiro.

Desde 2011 o trailismo vem ressurgindo com timidez e agora em 2015 nos deparamos com uma forte retomada do setor, com a chegada de novos fabricantes e lançamentos de novos produtos por fabricantes já consagrados no mercado.


Texto: Ronald Ataulo

Data: 12/02/2015

67 comentários:

  1. Muito legal Ronald.
    Um detalhe que eu acrescentaria para os trailers de dois eixos seria a atenção maior que tem que ter nas manobras, pois eles não rodam 360 graus como os de 1 eixo, obrigando estar sempre em movimento, frente ou traz, para manobrar.

    ResponderExcluir
  2. Muito boa dica Maurício, comentário já acrescentado no artigo. Valeu!!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns Ronald ...... é isso ai quanto mais informação sobre trailers e caravanismo melhor , Sou Mario Prorpietario da M.car Trailers & Reboques , a sua ultima foto postada é da minha Dodge Ram c/ meu Monte Rey 5 roda de 11m , quem quiser estou a disp. para tirar duvidas .....Faço transporte e manutenção de todos os tipos de trailers ....

    Mario M.car Trailers
    https://www.facebook.com/mcartrailers

    ResponderExcluir
  4. Se alguem poder me diser, tenho um gol quadrado 1.8 para puxar um brilhante esporte, ele puxa ou sofrera muito?

    ResponderExcluir
  5. Se alguem poder me diser, tenho um gol quadrado 1.8 para puxar um brilhante esporte, ele puxa ou sofrera muito?

    ResponderExcluir
  6. Gabriel, se pensarmos que estes trailers antigamente eram rebocados por veículos com muito menos performance que os atuais, creio que você consiga sim!! Claro que se tiver um carro com outras características melhorará sua viagem, exemplo: tração traseira, maior torque no motor, até itens mais avançados como tração 4x4... Comece no caravanismo, depois você vai se adequando conforme for suas necessidades.

    ResponderExcluir
  7. Boa noite Ronald. Sou novato na área e estou querendo adquirir meu primeiro trailer. Vi que meu carro, que é um focus hatch 2.0 2012 pesa 1280 kg, fora a bagagem. COnsigo viajar com segurança transportando um kc 330 ou ate um kc 380? vi um amigo dizer que nem a pau, que eu nunca teria estabilidade. porém averiguei que um kc 330 tem peso total de 1 ton no max. Portanto, sendo mais leve que meu veículo, estou seguro? abraço!

    ResponderExcluir
  8. Rafael, um trailr pequeno você consegue rebocar com tranquilidade com o seu carro. Em nosso grupo de amigos viajantes temos o Rodrigo Ribeiro que reboca um KC330 com um Fiesta 1.0. Boa sorte na sua compra!!

    ResponderExcluir
  9. Ronald. Parabéns pelo texto. Mas gostaria de questionar o tamanho postado do turiscar Rubi. Acho que é 6,20 e não 5,80 como publicado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gualter Pedrini, eu particularmente nunca vi um Rubi com 6,20. Na época que procurava o primeiro trailer este foi o meu escolhido, e todos eles eram de 5,80 metros. Mas mesmo sendo 5,80 ou 6,20 a ideia é a mesma..... risos..... obrigado pelo contato!

      Excluir
  10. Caro Ronald, tenho te acompanhado no forum da Macamp e te encontrei por aqui também. Fazem alguns anos que eu e a esposa planejamos entrar para o seleto grupo de felizardos do caravanismo. Depois de muita pesquisa, decidimos optar por um trailer e, como gostamos de algum conforto, acho que vamos partir para um Diamante ou outro do mesmo porte. Outro dia estivemos na Sinostrailer namorando alguns e até conhecemos o projeto do GustavoN (Balão Mágico). Acho que muito em breve poderemos fechar algum negócio, então, a procura já começou. Lendo tua postagem aqui no blog e no forum da Macamp, já fiquei bem tranquilo quanto aos possíveis veículos tracionadores. É claro que cado um tem suas preferências por marca e modelo, o que me remete à algumas poucas escolhas, como Nissan Frontier, Mitsubish L200 e Toyota Hilux. No caso da Hilux, preferiria a SW4, pois acho que pode proporcionar mais conforto interno. Minha dúvida é quanto à forma de fixação do engate. Esta fixação é tão segura quanto à da Pickup? Será que existe alguma perda na qualidade ou capacidade de tração sendo a SW4 e não a Pickup? Grato por tua atenção e um grande abraço!

    ResponderExcluir
  11. Miguel e Cida, que bom que vocês também vão comprar um trailer. De onde vocês são?
    Realmente o Diamante tem um tamanho perfeito, não me arrependo de ter saído do Brilhante para o Diamante.
    Quanto ao engate das picapes e das SW, na verdade não existe diferença pois ambos os carros são sob chassi. Eu particularmente mandei fazer o engate reforçado tanto para minha HiluxSW4 quanto para a TrailBlazer.
    Você somente tem que ficar atento ao torque do motor do tracionador quando falamos de trailer grande. Quando troquei a minha Hilux SW4 TDI 3.0 automática que tinha 163CV e 35Kgf de toque pela TrailBlazer com 180CV e 48Kgf de torque, confesso que senti muito a diferença... quanto a Sinos Trailer, foi lá que comprei o meu Brilhante, a Elisa e o Paulo são pessoas fantásticas...

    Fico a sua disposição!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ronald. Obrigado por tua atenção. Somos de Porto Alegre. Tenho um amigo que puxa um trailer pequeno com uma Frontier e me agradou bastante o consumo daquela camionete, além de me agradar também o estilo. Já comecei a pesquisar e se tudo der certo, volto em breve pra conversar contigo. Um grande abraço!

      Excluir
  12. Ronald boa Noite...

    Qual seria a CNH para dirigir um automovel para se locomover com um Turiscar Quinta roda ou um Diamante normal. tem restrição de um treiller para outro, digo pelo Tamanho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá William, a categoria B você poderá rebocar qualquer um destes trailers.

      Excluir
  13. William, ambos os trailer comentados por você podem ser dirigidos com a carteira B. Também nos dois casos o carro deve ser mais robusto, preferencialmente um utilitário esportivo a diesel. No caso do 5 roda uma caminhonete cabine duplo por conta dos seu engate.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia gostaria de acrescentar que para rebocar um quinta roda por exemplo com um f250 ou dogge ram precisa ter carteira "c" e ficar atentos ao rodizio e são paulo de caminhões pois essa camionetes são consideradas caminhões, so as d20 e f1000 antigas são consideradas caminhonetes.

      Excluir
  14. Bom dia Ronald, sou motorhomeiro (hobby jr. iveco 4912), mas estou seriamente pensando em trocar para um trailer devido a ficar com o veículo muito tempo parado e isto é prejudicial para o mesmo. Estou namorando alguns modelos de rodado duplo na faixa dos 5,00 a 6ml., com peso entre 1350 á 1660kg. Uma das minhas dúvidas é em relação ao veículo tracionador, tenho uma Tracker 2008, 2.0 4X4,pesa 1563kg., com 128cv á gasolina. Não me importo com o consumo dela, mas me informaram que ela é fraca para rebocar um trailer deste porte.Qual a tua opinião? Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá José Leotti, vejo uma grande coincidência com o que você esta falando, desde que o meu pai anunciou seu Apolo Trailer, todas as pessoas que estão telefonando são proprietários de Motorhomes que desejam voltar para o trailer por conta do valor investido, dos problemas comuns dos mh e de ficar sem carro no destino. Quanto ao seu carro, na minha opinião para rebocar um trailer com estas características seria interessante um veículo mais robusto, preferencialmente uma picape. Fique a vontade de me ligar para trocar mais ideias.

      Excluir
  15. Aproveitando ainda pergunto, qual a tua velocidade de cruzeiro quando está rebocando o trailer em viagens. Abs. José leotti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. José, minha velocidade cruzeiro é de 80 a 90 km/h, por vezes vou até 100 km/h para somente em caso de ultrapassagens. Fiz agora em janeiro uma viagem de Santos-SP até o Uruguai e o Turiscar Diamante foi numa boa...

      Excluir
    2. Boa noite Ronald! acabei de comprar um rubi, não entendo muito de trailer, mais ele tinha uma infiltração no quarto, consegui desmontar parte da calha e parte de cima do alumínio, o troquei umas madeiras q precisava, agora já vou colocar o alumínio de volta. que tipo de cola ou produto coloco na calha para vedar?

      Excluir
  16. Olá Márcio, parabéns pela aquisição do seu trailer. O produto correto para você utilizar na calafetação é o Sikaflex.

    ResponderExcluir
  17. Bom dia!! Ronald,tenho pensado com muito carinho na possibilidade de adquirir um trailer, gostei muito da matéria, parabéns, quando eu estiver pronto para aquisição se puder irei ti pedir algumas dicas.
    Abraços

    ResponderExcluir
  18. Opa, fique a vontade, terei enorme prazer em contribuir no que for possível.... boa sorte e corra atrás dos seus sonhos

    ResponderExcluir
  19. Olá, Ronald! Gostaria que tu fosse um dos primeiros a saber: finalmente fechamos negócio com um Diamante 95. Para rebocar este novo brinquedo, adquirimos uma Ranger 2013. Ainda não pegamos o trailer, que está ganhando um "upgrade" , com direito a uma máquina de lavar roupas de 3Kg, câmera de manobras wirelless, conversor inteligente, inversor e bateria parrudos, toldo novo (antes, havia um toldo fixo), além do conserto de algumas coisinhas. Acho que deve ficar pronto em maio. Não tenho apressado muito a reforma, pois ainda estou providenciando uma garagem fechada no nosso sítio. Como nunca reboquei algo parecido, imagine minha ansiedade e preocupação com a nova empreitada. Tenho devorado tudo a respeito do assunto campismo/trailer e suas variantes. Teu blog, inclusive. Ainda tenho várias dúvidas, que aos poucos vou esclarecendo. Espero poder contar com a tua experiência. Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  20. Que felicidade!!!! Ótima notícia!!! Oba, vou querer marcar um encontro com vocês... contar os "causos".... show!!! Onde vocês moram?? Ótimo conjunto, excelente trailer e maravilhoso veículo tracionador!!

    ResponderExcluir
  21. Moramos em Porto Alegre. Vamos nos encontrar ainda, com certeza. Quando descer pro pampa, mesmo de passagem, avisa pra marcar alguma coisa. Quanto à escolha da Ranger, foi muito pensada e achamos que o conjunto oferecido por esta camionete é bem interessante. Estamos muito satisfeitos com a Ranger. Acho que o Diamante vai estar bem acompanhado. Já te achei pelo Facebook e te enviei uma solicitação de amizade. Nos falamos por aí. Abraço!

    ResponderExcluir
  22. Parabéns pelo texto, bastante esclarecedor para quem está iniciando.

    ResponderExcluir
  23. Olá Pessoal, estou há meses estudando adquirir um trailer, só falta o dinheiro (hahaha). Mas falando sério, tenho planos pra adquirir um turiscar caravana. Só que tenho uma Scenic 1.6 16v. Será que dá ?

    ResponderExcluir
  24. Emilio, você deverá apenas ficar atento ao tamanho do trailer, mas temos amigos caravanistas rebocando o KC330 com Ford Fiesta 1.0

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, Ronald, obrigado por me responder já com 1 dia de post. Eu conversei com um amigo meu que tem um caravana 1982 pra vender, e ele me falou que a scenic tinha um problema na caixa de marcha que é forçada ao puxar trailer. Por enquanto, só estou juntando recursos e estudando os trailers, verificando no OLX e outros sites os usados. Tenho achado muito Karmann Ghia mais conservados que os Turiscar. Vamos nos encontrar em alguma estrada ou camping pelo Brasil afora, pode ter certeza! Obrigado.

      Excluir
  25. Olá Ronald tenho interesse em adquirir um trailer da apolo modelo young e tenho uma strada adventure 1.8 consigo puxar o trailer com tranquilidade ou fica pesado para strada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ricardo, desculpe-me somente agora ter visto sua postagem. Espero até que já tenha comprado! Acho que este veículo conseguirá rebocar o Apolo Trailer Young, no entanto, em breve você desejará partir para um veículo com maior torque.

      Excluir
  26. Olá! Dúvida de iniciante hehe: as medidas postadas são do trailer em si ou do chassi total (estrutura de engate do reboque etc? Não encontrei essa resposta em lugar nenhum :( Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sarah, também peço desculpas pela demora na resposta! As medidas são da carroceria, você pode contar em média mais 1,5 metros de lança.

      Excluir
  27. Nossa... que dúvida entre o trailler e o motorhome.
    Tenho uma pajero dakar 2012 e já vi que para optar pelo motorhome, teria que vender a bichinha ($). Minha duvida principal é quanto ao conforto da viagem para os passageiros, já que estes não podem estar no trailer quando em viagem. Mas, quando estacionado, vale a pena ter a mobilidade do carro. Na verdade, a questão é que sou fumante... bah, vou ter que parar de fumar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tania, por incrível que pareça não é somente esta a vantagem do trailer, além de você ter o carro para passear, o trailer não paga IPVA, o capital imobilizado no trailer geralmente é muito menor que o MH, o trailer não possui componentes mecânicos para manutenção como o MH. Seu carro é excelente para rebocar um trailer até mesmo de grande porte! Hoje eu vejo mais vantagem no trailer, lembrando que é apenas a minha opinião. Existem outros argumentos a favor no MH, principalmente no conforto de viajar com a família usufruindo da casa...

      Excluir
  28. Minha dúvida não é somente puxar, mas parar com estabilidade, já ouvi histórias de tracionadores que tiveram dificuldades na frenagem devido o trailer ter empurrado e o carro gastar muito pneus e pastilhas (tração dianteira)
    Meu carro é uma Duster 2.0 4x2 automática, o trailer que estou comprando é um Apolo Young.
    E agora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nélio, se você andar dentro dos limites de velocidade mesmo que o freio do trailer esteja com problema sem funcionar você consegue parar tranquilamente, no entanto, o sistema de freio inercial funciona muito bem. O meu pai rebocava o Apolo Young com sua Pajero TR4 e brecava normalmente. Eu breco o meu Diamante de 2.200 kg e também breca com total tranquilidade. Pode ficar totalmente despreocupado nesta questão.... mais uma vez, mantenha os limites de velocidade e segurança!!

      Excluir
    2. ah.... tenho uma oficina mecanica e meu veículo é rotineiramente submetido a revisões preventivas, nunca detectei nenhum tipo de consumo em demasia de nenhum componente por conta do reboque do trailer. Sempre me preocupo e peço para acompanharem a fixação do engate no veículo.

      Excluir
    3. Você somente poderá ter um pouco mais de dificuldade sendo seu carro com tração dianteira e nas subidas ela poderá patinar com mais facilidade. Um próximo passo pode ser você adquirir um veículo com tração traseira e até mesmo um 4x4.

      Excluir
    4. Pois é, estou pensando nisso, mas meu carro é muito novo para trocar agora, mas vamos lá, para a estrada ver como se sai meu conjunto.

      Excluir
  29. Tô pra pegar um Tiriscar Brilhante qual o menor carro possível pra rebocar? Donald de Aracaju.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Donald, parabéns pela aquisição! Eu compraria um utilitário esportivo ou uma picape. O que você imagina de carro?

      Excluir
  30. Olá Ronald !!
    Estou começando a procura por um trailer.
    De inicio achei um turiscar Modelo Rubi.
    Tenho uma Camioneta FIAT TORO Diesel -
    Verifiquei no seu manual que ela tem 170 CV e 35,7 Kgf
    Pergunto ao nobre amigo.
    Conseguiria tracionar este modelo de trailer com este carro ?
    Att,
    Sergio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sérgio, pouco posso te dizer a respeito da Toro pois não a conheço, simplesmente acho MARAVILHOSA!!! Quanto a configuração de potencia e torque, é PERFEITA para rebocar um Rubi, é o mesmo torque que tinha minha Hilux SW4.... Boa sorte amigo!!!

      Excluir
  31. Valeu Ronald
    Muito obrigado pela pronta resposta

    ResponderExcluir
  32. ola quais carros seria ideal para rebocar Kg 330 tangara....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dionnei, fica muito tranquilo para rebocar um KC330, nós tinhamos um amigo do grupo (in memorian) que rebocava um 330 com um Fiesta 1.0 e participava de todos os encontros.

      Excluir
  33. boa dia RONALD ATAULO, o que voce sugere, comprar um trailer pronto ou montar um projeto nas seguintes dimensoes. largura, 2,40 x altura,2,55 x 5,40 de comprimento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caio, estas medidas que você está falando é do KC540, um excelente trailer. Tudo vai depender do estado de conservação que você encontrar o trailer e quanto gastará para revisá-lo. Temos hoje no mercado diversos fabricantes, Apolo Trailer, Turiscar, Winebago, Delka, entre outros...

      Excluir
  34. Olá Ronald. Tenho uma Hyundai Tucson 2.0 automática 143 CV tração dianteira. Pretendo adquirir um Trailer de porte pequeno KC 380. Queria saber de você, se esse veículo é ideal para rebocar esse trailer??? Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luiz, viaje tranquilo com este seu conjunto. Você tem um ótimo carro! Em um futuro, quando for trocar o seu carro, pode pensar em um com tração traseira e até mesmo 4x4. Mas não se preocupe de ter algum problema, você terá ótimas experiencias com sua família.

      Excluir
  35. Olá Ronald, gostaria de saber a vida útil de um Apolo Trailer Young. Estou com dúvidas, se vale a pena o investimento. Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Enrique, o meu pai ficou exatos dois anos com o Apolo e neste tempo não tivemos nenhum problema. É gostoso ter um equipamento zero km, acabamos reformando o Turiscar Brilhante pela boa fama da Turiscar e também pelo valor que sairia bem mais barato que um equipamento do mesmo tamanho novo.

      Excluir
  36. sou de porto alegre gostaria de informações e preços de traailers pequenos, estou começando neste mundo e quero em seguida comprar um pára começar. obrigado e fico no aguardo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, recomendo você buscar opções nos sites Mercadolivre e OLX.

      Excluir
  37. Ola
    sou novo tbm , estou vendo um Apolo Young. Para viagens eu minha esposa e um bb de 5 meses.
    minha pergunta é, consigo ir numa boa com triler deste para, Paraguai, Argentina, Uruguai e Chile . Vou com uma S10 2014 cabine dupla Flex 4x2.... Abraço para todos ate um dia .
    Carlos de Mogi das Cruzes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carlos, vai sim com extrema facilidade, o meu pai rebocou um trailer deste com uma Pajero TR4. Depois comprou uma S10 semelhante a sua 2.5 flex aí ficou super tranquilo!!

      Excluir
  38. Boa noite, Ronald comprei um Turiscar 640 mas esta com problemas de freio, tenho uma Blazer 4.3 automática sera que aguenta freiar com segurança ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcelo, com tranquilidade sua Blazer reboca o 640, no entanto, não recomendo você andar com um trailer deste porte com problemas em freio. Imagine uma situação de emergência?

      Excluir
  39. Oi Ronald, muito legal esse site, tirando muitas dúvidas. Estamos olhando um trailer pra comprar pra viajarmos em família durante 4 meses. Estamos entre o turiscar eldorado e o beija flor da motor trailer, estamos muito na dúvida. o turiscar é menor de altura e largura o que facilita pra gente que gosta de entrar no meio do mato. Já o beija flor é mais novo e tem essa história das paredes serem mais modernas (não sei se faz muita diferença na durabilidade e conforto térmico). Pode me ajudar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mauro, qualquer um dos dois equipamentos que comprar te oferecerá semelhantes benefícios e conforto. Analise os equipamentos/acessórios que oferecem como: aquecedor de passagem a gás; inversor para geladeira; placa solar; iluminação de LED, fora o estado de conservação geral. Que experiência gostosa heim, ficar 4 meses nele... Parabéns!!

      Excluir